domingo, 27 de julho de 2008

PAÍS, CIDADE, CONTINENTE, ONDE?

É uma dificuldade a escolha do lugar onde nossos filhos devem fazer o intercâmbio.

No programa High School se você optar por escolas públicas, não é possível a a escolha, o que é um inconveniente enorme.
Seu filho pode ir parar numa minúscula cidade do Arkansas e morar numa fazenda.
Creia, isto não é incomum.

Há porém a possibilidade das Boardings Schools, que são instituições particulares, porém paga-se caro.
Se não é esse o seu problema, eu considero a melhor opção.
Inclusive há colégios com residência, não sendo necessário viver com familias locais.

Se o programa escolhido são os cursos de idiomas o leque de opções é amplo!

Se o idioma escolhido fôr o Inglês, USA e Canadá são os mais indicados, tanto pelo países que são acolhedores e com infra estrutura em intercâmbio, quanto em custo.

A Inglaterra, é o sonho de consumo da maioria, mas para nós o custo é elevadíssimo, a diferença fica por conta do cultural, mas isso pode um dia ser resolvido com turismo.

Os jovens agora estão querendo inovar com Austrália e Nova Zelândia, eu sinceramente acho um desperdicio de dinheiro.
As passagens são caríssimas, pois é muito distante.

Não vejo a menor necessidade, a não ser que o objetivo seja passear, ou fazer esportes radicais, aí sim acredito que sejam destinos fantásticos.

Para aprendizado acho um custo muito alto, que se pode obter por muito menos, nos países que já tem tradição no ensino de idiomas.

Se há essa necessidade de inovar e fazer o diferente, a África do Sul oferece intercambios a um custo bem interessante, já que a desvalorização da moeda deles está em torno de 50% em relação ao Real.

Em Capetown estão presentes os mais renomados cursos de idiomas, além da possibilidade de passeios sensacionais.

Na lista de links do blog você pode começar a pesquisar.

12 comentários:

Luiz disse...

é o tipo da coisa: todo o mundo quer ir para a Nova Zelandia pela as atrações que a cidade oferece.Confesso que já pensei em seriamente ir para a Nova Zelândia, talvez pelo o fato que na sua frente tem o mar e logo atrás tem uma montanha esperando para você fazer Snowboard.Pesquisando bem, desisti.Meu amigo está lá, e diz que está sentindo falta do acolhimento das pessoas.Tendo um exemplo "vivo", optei por fazer meu intercâmbio no Canadá, Saskatoon, uma cidade do interior que parece muito com a minha cidade (Natal).

João disse...

Luuiz então somos dois. Eu tinha colocado na cabeça que queria Australia, aonde tava minha cabeça eu não sei, além de longe, fica muito mais caro, agora siim jáesta decidido, vou pro canadá ano que vem, ainda não sei a cidade, estou torcendo por uma pequena e acolhedora ! :)

Jéssica disse...

Mesmo assim ainda tá na minha cabeça a NZ, não pra high school e sim summer camp.
Adoro esportes radicais e acho que não mudo tão cedo de idéia...

André Nyer disse...

Bom post! Mais uma vez com informações e dicas importantíssimas pra quem está planejando um intercambio. Estou no final da faculdade e ano passado fiz um curso de 1 mês em Barcelona - ESP o que para mim foi uma experiência ótima. Agora pretendo passar 6 meses em Cape Town - África do Sul e como minha família não tem muita grana esse é um destino mais em conta e possui muitas escolas bem conceituadas, acredito que será bem proveitoso. Antes de pensar em lugares badalados ou com várias opções de lazer, eu acho interessante pensar qual o propósito de sua viagem no meu caso é aprender inglês e não fazer turismo.

Abraços pra todos e um ótimo início de semana. =o)

André Nyer - PE

Luiz disse...

Realmente, se eu fosse fazer Summer Camp eu escolheria NZ, mas eu vou fazer High School.Se eu fosse fazer High School na NZ eu num ia nem pegar nos livros por ser uma cidade tão badalada, já que eu sou muito festeiro xD

Vinicius disse...

Pois é Marcia, é aquilo q vc sempre faala.. coerencia em saber para onde queremos ir e atras do que desejamos...


Beijos

Beatriz disse...

Olá Márcia!
Queria tirar pequenas dúvidas com você...
Vi que seu filho foi fazer curso de idiomas na alemanha, mas não achei (não sei se procurei mal, me desculpe)nenhum post relacionado.
Estou em busca da mesma coisa, e queria inforamções sobre o curso que ele fez,com que agencia, acomodação, custo etc.
Ele era iniciante? Sei pouquíssimo o idioma, apenas o básico.
Antecipadamente, obrigada!

Bia.

MARCIA CASARES disse...

http://www.puc-rio.br/ensinopesq/ccci/curtaduracao/programas.html

Ele foi alfabetizado em alemão,faz o avançado mas tem básico.
Veja o site da Puc Rio

Lucas disse...

Acho que voce esta com uma opiniao errada sobre Australia
Um dos paises mais desenvolvidos do Mundo
Onde tem as Melhores universidades de Biologia,Hotelaria e a parte tecnologica e fortissima
A educaçao e de 1 mundo
em um ranking que eu vi,estava 3 ou 4 posiçoes a frente dos Eua
Se Informe mais sobre a Australia

MARCIA CASARES disse...

Não tenho idéia errada sobre a Áustrália,eu sei bem o que é a Austrália, apenas eu acho que é possível fazer curso de inglês com um custo menor.
Ninguém está discutindo se ela tem boas universidades,estamos falando de cursos de idiomas.
Vc precisa ler melhor.
Abraços

Anônimo disse...

Creio que tudo depende de qual é o seu objetivo. E aliás, ninguém é obrigado a ir para os EUA ou Canadá ó por causa do inglês.
Nem todos tem os mesmos objetivos!!!
Por exemplo, pretendo ir pra França, meu objetivo é aprender a cultura e a história francesa, coisa que eu não conseguiria aprender em uma símples viagem de turismo. Posteriormente pretendo voltar e cursar teologia em academias de teologia na França.
Vocês estão monopolizando a cultura e o idioma.

Isso é errado!

MARCIA CASARES disse...

Anônimo, quando escrevemos para muitas pessoas não podemos particularizar as preferências e interesses.
É inegável que a maioria dos jovens quer aperfeiçoar o inglês.
Volte sempre!